Higiene/Cuidado/Saude

Operação desfralde – Como ajudar os pequenos neste momento delicado

Um dos assuntos mais complexos do desenvolvimento dos pequenos é a transição da fase em que eles deixam de usar fraldas e passam a usar o troninho / vaso sanitário adaptado, o chamado desfralde. Muitos papais e babás passam por apuros, mas a verdade é que, em primeiro lugar, é preciso dar muito apoio às crianças neste momento, porque para elas (principalmente) é um feito extremamente complicado também.

Paciência e zero pressão

Em primeiro lugar, é preciso lembrar que as crianças ainda estão em desenvolvimento, descobrindo o seu corpo e o mundo ao redor. Ela ainda não tem exatamente a consciência de como controlar o corpo sozinha. Então, é importante conversar, obviamente, sobre o novo momento que vai chegar, mas também esperar que a criança vá descobrindo aos poucos. É acompanhar e estar ao lado deles, mas sem pressionar e dizer que “você precisa aprender logo”.

Mamães, entendam: É chato. Não é prazeroso. As crianças vão errar, porque estão aprendendo a lidar com o próprio corpo. Então é preciso ter – muita – paciência.

Incentivo no desfralde

É preciso lembrar, também, que incentivar é diferente de pressionar. O ideal é trabalhar com a criança como se o desfralde seja uma conquista dela. Uma nova fase que ela conseguiu sozinha. Isso faz com o pequeno se sinta confiante, mais forte e mais feliz.

Recentemente vimos um caso de uma mãe que ofereceu um “chá de calcinhas” para a filha, para comemorar o desfralde. Muitas pessoas na internet a ofenderam (gente, por que?), alegando que a família teria feito a festa para “pedir calcinhas” para a pequena.

Em primeiro lugar, vamos combinar que calcinhas não são tão caras assim e que muito provavelmente a mamãe gastou bem mais em fazer a festinha do que se comprasse algumas calcinhas para a filha. Em segundo lugar, a maneira que ela encontrou de incentivar a filha foi muito bacana.

Segundo uma matéria publicada na Revista Crescer, esta mãe disse que essa foi a maneira de incentivar a filha: comentando que quando ela alcançasse a vitória, haveria uma comemoração, e assim o fez. E, ainda de acordo com esta mamãe, a criança se sentiu especial e ficou muito feliz ao ver cada calcinha que ganhou.

Então, em verdade, não importa a maneira que você vai acordar o desfralde com a criança. Pense sempre em incentivá-la e mostrar que é uma conquista que ela terá.

Fonte: Crescer

Leave a Comment